quarta-feira, 13 de junho de 2012

Vírus pode se tornar uma nova fonte de energia elétrica



Por Daniel Accioly Nenhum Comentário
Um dos principais objetivos ambientais atuais é descobrir fontes alternativas de energia que aliem baixo impacto e eficiência. E muitas vezes as fontes são bem inusitadas. Em estudo publicado na Nature Nanotechnology, cientistas descrevem como é possível gerar corrente a partir de um vírus, por meio da conversão de energia mecânica em energia elétrica.
O M13, vírus geneticamente modificado e que agride apenas bactérias, gera energia pelo processo de piezoeletriciade, que consiste no acúmulo de carga elétrica decorrente de estímulo mecânico. Na experiência, um tapa em uma superfície coberta com o vírus gerou força suficiente para operar uma tela de cristal líquido, num total de 400 milivolts de tensão.
O resultado da pesquisa pode auxiliar no aperfeiçoamento de outras formas de obtenção de energia elétrica por meio de estímulos mecânicos ligados aos hábitos diários, como abrir portas, andar de bicicleta e fazer uma caminhada.
E é nessa direção que os cientistas estão caminhando: “Nosso trabalho é um primeiro passo para o desenvolvimento de geradores de eletricidade portáteis e outros dispositivos baseados em bioeletrônica”, afirmou à Veja o bioengenheiro Seung-Wuk Lee, um dos responsáveis pelo estudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Seguidores

Barra de vídeos

Loading...
Ocorreu um erro neste gadget