quarta-feira, 27 de junho de 2012

De olho nas eleições, prefeitura dobra número de lixeiras



Por Daniel Accioly Nenhum Comentário
A prefeitura de São Paulo corre contra o tempo e promove a instalação de novas lixeiras na cidade. Tendo a limpeza pública como um dos principais alvos de sua gestão, o prefeito Gilberto Kassab (PSD), por meio de nova empresa que venceu conturbado processo de licitação no ano passado, dobrou o número de recipientes para lixo – conhecidos também como papeleiras.
O número passou de 36 mil no ano passado para 81 mil no final de maio, e o objetivo é instalar mais 69 mil até o final de agosto, somando 150 mil unidades espalhadas pela cidade. Para alcançar a meta, será necessário instalar 300 unidades por dia.
O tempo é curto, mas a prefeitura tem como um dos seus principais objetivos alcançar a meta, antes das eleições, no mês de outubro.
Além da instalação de lixeiras, a empresa de limpeza urbana tem como atribuição o serviço de varrição, que passou a ser feito também aos domingos, além da remoção de objetos de entulho, limpeza de bocas de lobo e remoção dos resíduos dos ecopontos existentes na capital.
O jornal  Folha de S.Paulo apontou uma série de irregularidades no processo licitatório, inclusive documentos contendo informações falsas entregues por uma das vencedoras da licitação e descumprimento de prazos para a assinatura dos contratos, cujos valores liberados foram de R$ 2,25 bilhões.
* Com informações de Destak e Folha de S. Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Seguidores

Barra de vídeos

Loading...
Ocorreu um erro neste gadget